Presidente do Fogão lamenta: ‘Não dá para aumentar a oferta’

Maurício Assumpção espera o dia que será possível competir com europeus


Mago é pivô de negociação entre Botafogo, Traffic e clubes europeus

Mago é pivô de negociação entre Botafogo, Traffic e clubes europeus

A preocupação em cima da poderosa investida do Hoffenheim, da Alemanha, para levar o meia Maicosuel, com a proposta de 4,5 milhões de euros (cerca de R$ 12,8 milhões), tem justificativa. O Botafogo não tem como crescer a oferta feita à Traffic na última quarta-feira, e ela é bem menor do que o valor acima.

Mesmo sem estar diretamente à frente da transação, o presidente Maurício Assumpção deixou bem clara a posição do clube, e foi inclusive tachativo.

– Não vamos aumentar a proposta. Por enquanto, não há como, mas essa diretoria trabalha para que daqui há alguns anos o Botafogo possa bancar e dizer não quer vender um atleta ou que vai comprar tal jogador. É o sonho de todo dirigente – afirmou o dirigente, lembrando que a oferta alvinegra foi muito elogiada pela Traffic, detentora dos direitos do Mago.